TRT decide que não há obrigatoriedade de anotação na carteira de trabalho exposição a agente insalubre

O Tribunal Pleno do Tribunal Regional do Trabalho / MT decidiu que não há obrigatoriedade de se anotar na Carteira de Trabalho informações sobre a exposição a agente insalubre e o recebimento do respectivo adicional. O entendimento foi firmado na súmula 43 do TRT/MT, publicada no Diário Oficial no dia 28 de junho deste ano. A súmula aprovada pacifica as divergências sobre o tema entre as duas turmas de julgamento do Tribunal que vinham decidindo casos semelhantes de maneira diversa.

Fonte: Conselho Superior da Justiça do Trabalho – Veja o texto original na íntegra.

Com o Sistema GreenLegis – Conformidade Legal as empresas podem conhecer e controlar o atendimento à legislação de segurança e saúde ocupacional aplicável às suas atividades, com a melhor tecnologia e conteúdo do mercado, a um excelente custo-benefício. Saiba mais aqui.

Post Recentes

Publicado novo Regulamento do Código de Mineração

Prazo para adesão ao CAR é estendido até o fim do ano

20 mil empresas são autuadas descumprimento da legislação ocupacional

Logística Reversa será condicionante do licenciamento ambiental

Prorrogado prazo para entrega do Relatório anual do IBAMA

Acordos firmados no Fórum Mundial da Água fortalecem consciência sustentável